Caminhão Munck

Caminhão Munck

A NILTON MACHADO LOCAÇÕES dispõe de diversos modelos de caminhão munck, com capacidades diferentes, atendendo desde empresas que precisam de deslocamento de carga pouco pesada, até as que necessitam de movimentação de grande capacidade para atuar em montagem industrial, construção civil e transbordo.

Locação de Caminhões Munck em Alagoa

Alagoa Minas Gerais - MG Histórico A Região onde se localiza o município, foi primitivamente habitada pelos índios Cataguás (ou Cataguases), dos quais foram encontrados vestígios. Sendo o território rico em ouro e pedras preciosas, sertanistas que por aí passavam acabaram se fixando, e por volta do ano de 1730, Simão da Cunha Gago e o padre Joaquim Mendes de Carvalho fundaram uma povoação e construíram uma capela, filial da Matriz de Aiuruoca. Iniciava-se a implantação do núcleo de Alagoas. Em 1752, foi levantada uma igreja construída por escravos, e seis anos depois, o local era elevado a Curato. A freguesia surgiu 1855, de um abaixo-assinado encaminhado à Assembléia Provincial que indicava a existência de 4.000 pessoas no curato e mais de 50 casas no arraial. Dentre esses moradores citam-se: Antônio Alcântara Guimarães, Joaquim Nogueira, Guarda-Mor Bento Chaves, Antônio Avelar Almeida, José Dias Carvalho e sua esposa Maria Luiza Mendes, o primeiro vigário, Padre Joaquim Inácio de Melo, o farmacêutico Cel. Porfírio Mendes e outros. A mineração iniciou-se e a atividade agropecuária deu sequência ao desenvolvimento da localidade. O topônimo deve-se à existência de uma grande lagoa, esvaziada pelos bandeirantes, para exploração de ouro e pedras preciosas. Para escoamento da água, foi aberto um canal em uma pedra, conhecida como ?pedra furada?. Gentílico: alagoense Formação Administrativa: Distrito criado com a denominação de Alagoa, pela lei provincial nº 728, de 18-05-1855, e por lei estadual nº 2, de 14-09-1891, subordinado ao município de Aiuruoca. Pela lei estadual nº 843, de 07-09-1923, o distrito de Alagoa deixa de pertencer a Aiuruoca para ser anexado ao novo município de Itanhandu. Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o distrito de Alagoa figura no município de Itanhandu. Assim permanecendo em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937. Pelo decreto-lei estadual nº 148, de 17-12-1938, o distrito de Alagoa deixa de pertencer a Itanhandu para ser anexado ao novo município de Itamonte. Em divisão territorial datada de I-VII-1955, o distrito de Alagoa figura no município de Itamonte. Assim permanecendo em divisão territorial datada de I-VII-1960. Elevado à categoria de município com a denominação de Alagoa, pela lei estadual nº 2764, de 30-12-1962, desmembrado de Itamonte. Sede no antigo distrito de Alagoa. Constiuído do distrito sede. Instalado em 01-03-1963. Em divisão territorial datada de 31-XII-1963, o município é constituído do distrito sede. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007. Transferências distritais Pela lei estadual nº 843, de 07-09-1923, transfere o distrito de Alagoa do município de Aiuruoca para o de Itanhandu. Pelo decreto-lei estadual nº 148, de 17-12-1938, transfere o distrito de Alagoa do município Itanhandu para o de Itamonte.