Container

Containers

Desenvolvidos para atender diversos segmentos como: construção civil e produtoras de eventos culturais, a locação de containers transformados e adaptados, designa infraestrutura móvel para atender as necessidades do mercado, com a melhor relação custo-benefício, durante o período desejado.

  • Container Sanitário
  • Container Escritório
  • Container Almoxarifado
  • Container Dormitório

Container Locação em Mirassol

Quando São José do Rio Prêto tornou-se comarca, desligando-se de Jaboticabal, em 1904, para aí convergiram homens afeiçoados ao trabalho e em busca de novas possibilidades. Muito contribuíram para o desbravamento dessa região os agrimensores Frederico Meyer, Portugal Freixo e Francisco Crespo, que pela localização exata das áreas, identificavam as legítimas propriedades. Por volta de 1908, as primeiras glebas das fazendas Sertão dos Inácios, Bálsamo, Tatu, Campo, e Barra Grande foram adquiridas pelos novos povoadores e entre estes, Joaquim da Costa Penha e Vitor Cândido de Souza, antes dois sertanistas, quando rapazes, haviam se encontrado em Motuca (MG), posteriormente Vila Eloy, terra onde nasceu Joaquim da Costa Penha. Voltaram a se encontrar em Bebedouro e Monte Azul e, por fim, vizinhos nas fazendas Campo e Sertão dos Inácios. Na junção de suas propriedades, ergueram no dia 8 de setembro de 1910, o cruzeiro, marco perpétuo da fundação de São Pedro da Mata Una (atual Mirassol). Joaquim Neves, então, residente em Monte Azul, relata o seguinte no seu diário: "Hoje, às doze horas, sigo de viagem para São José do Rio Preto e daquela cidade, com destino ao meu sítio, que é além duas léguas e três quartas mais ou menos; aí vou com pretensões de fundar a florescente e futurosa povoação da Mata Una, sita nos espigões das fazendas Três Barras, Campo, Piedade e Sertão dos Inácios. Hoje,às 8 horas assisti missa na matriz desta vila, mandada celebrar ao Bom Jesus pela Sra. Joaquim Nabuco (em 23-8-1910)". No dia 5 de setembro de 1910, após vivas a São Pedro e à Nossa Senhora Aparecida, deu-se início à roçada da densa mata. Em 1912, por proposta do Capitão Neves, Mata Una passou a chamar-se Mirassol, pois com as derrubadas das matas divisava-se melhor o sol e, também, segundo dizem, por ter sido encontrada nessa ocasião uma moita de girassol. Como havia espanhóis na região, começaram a substituir gira por mira, originando daí, o nome Mirassol. Nesse mesmo ano foi rezada a primeira missa, na capelinha erguida· em terras doadas pelos senhores Modesto José Moreira, Vitor Cândido de Souza e Joaquim da Costa Penha.